Deixe a vida (flo)rir e (flu)ir

Mulher, não precisa forçar as coisas a acontecerem da sua maneira. As coisas vão florir, e se não florir em rosa como você tanto quer, vai florir em azul, em branco, em preto, em roxo… E acredite, no final das contas você vai amar a forma como foi retribuída pelas suas escolhas. Cada pequeno detalhe vai ter seu grande valor.

O desespero não vai adiantar de nada pra você. Então se acalma, liga uma música e dança de calcinha e sutiã ou até mesmo de pijama pelo quarto, pela sala. Tropeça no abajur e levanta sorrindo. Dance conforme a melodia, sinta seu coração pulsar conforme a batida, faça-se leve para ser levada pelas notas, seja a trilha sonora que embala o seu viver.

A vida se (en)carrega. Ela vai carregar exatamente a bagagem que você consumiu durante toda a sua trajetória, ou melhor dizendo, toda a plantação que você fez ela vai te trazer de volta. Plantou semente podre? Calma. Você tem tempo para plantar sementes boas. Então pra quê o desespero? Pra quê pressa nisso tudo?

Larga esses pensamentos de desânimo, de receio, de desespero e de tristeza. Junta eles todos em um pacotinho e joga bem longe, porque eles não vão te levar a lugar nenhum. Veste a coragem, a alegria e a autoconfiança e batalha pelo que você quer. Cada sonho que você deseja realizar só vão se concretizar se você colocar a mão na massa, se você largar toda negatividade e usar seu lado positivo.

Precisamos ser mais despreocupados e mais confiantes daquilo que estamos oferecendo para o mundo e pra nós mesmos. Precisamos fazer uma limpa no nosso cérebro e fazer com que ele trabalhe para nós e não contra nós. Precisamos acreditar mais nos nossos sonhos, acreditar mais no futuro, acreditar mais na sutileza e na leveza, acreditar mais na pureza e, principalmente acreditar mais no amor.

É mulher, a vida vai (flo)rir para você e você precisa estar preparada para sorrir de volta. Ela vai (flu)ir, seguir o próprio fluxo, o tempo e a calma que ela tem e você precisa confiar nela sem interferir, pois o que for pra ser seu, já está escrito muito antes de você sonhar.

 

Sobre o Autor

Daniele Denez

Catarinense, uma boa escorpiana, ama momentos, música, histórias e boas risadas. Você sabe o seu nome, mas nem imagina sua história, você lê suas palavras, mas é impossível saber o peso que elas têm para ela.

1 COMMENT

  1. Quel Póvoas | 7th nov 17

    Amei! <3

Seu comentário é muito importante para nós

All original content on these pages is fingerprinted and certified by Digiprove